5 dicas para encontrar a leitura ideal

Tempo de leitura: 4 minutos

Oi, pessoal!
Desde que comecei a entender melhor o meu amor pela leitura e compartilhei esse amor com outras pessoas, escutei diversas vezes frases como: “eu não gosto de ler”, “ler me dá sono” ou “ler é chato!”. Bom, sei que gosto é gosto e respeito isso. Mas gostaria muito que essas pessoas dessem mais chances para a leitura e não desistissem tão facilmente. Por isso, resolvi fazer esse post com algumas dicas que eu faria para ler com mais frequência ou simplesmente para começar a ler qualquer livro.
Dica 1:
Vá até a livraria e escolha a seção que tem mais a sua cara. Você gostaria de ler livros que falam sobre assuntos da sua faculdade? Ou prefere algo mais light, tipo uma história de amor? Pense que a livraria abrange todos os gostos e sempre terá algo no meio de tantas opções que te agrade. Tenha em mente também que você não precisa acertar de primeira. Tente comprar um livro que seja mais ou menos o assunto em que você teria curiosidade de investir seu tempo, se não gostar daquele estilo, escolha outro! Você não vai desperdiçar seu dinheiro, pois alguém que você conhece, certamente vai amar ganhar um presente!
Dica 2: 
Peça ajuda! Hoje em dia, com a internet bombando, você pode consultar sites e blogs que te passe dicas e resenhas de diversos livros! E isso vale para o Instagram e Facebook também. Eles são ótimos meios de receber sugestões de pessoas que te conhecem e que querem te ajudar a encontrar a leitura perfeita para você! Ah, sem contar os vendedores das livrarias. Sempre tem aquele vendedor que ama o que faz e sente MUITO prazer em sugerir livros maravilhosos! A Livraria da Villa do Shopping Galleria, em Campinas, é ótima nesse aspecto. Ps.: Brubru está à disposição! Me procurem nas redes sociais se quiserem e vou encontrar a melhor dica que eu puder dar!
Dica 3:
Coloque na sua cabeça que livro não é gasto, é investimento pra vida! Investir em cultura, em leitura, em livros, em informações e histórias novas é também um modo de se amar. São tantos os benefícios que eu poderia fazer um post somente sobre isso! Se quer ler, mas achou o livro caro na livraria, procure o mesmo título no Submarino, ou no site da Livraria Saraiva, ou na Amazon, ou no site da Cultura! Percebe? São tantas opções que não há espaço para desculpas. Como eu já disse lá em cima, eu respeito que acha chato mesmo, mas muitas pessoas que tem esse tipo de opinião, nunca tentaram ler algo que realmente gostem, nunca pararam pra insistir naquilo, ou nunca pegaram um livro na mão mesmo. 
Dica 4:
Não é preciso de tanto dinheiro para poder ter acesso aos livros. Os sebos ainda existem e as bibliotecas públicas também. Não conheço a de Campinas, mas a de Sorocaba é linda! Para quem faz faculdade, ou ainda está na escola, procure a biblioteca do colégio e encontre algo que te faça ficar curioso. 
Dica 5:
Divirta-se e tome seu tempo. Não é porque sua amiga lê um livro em dois dias que você também tem que ler ou que você é um fracasso (e nunca mais quer ver um livro na sua frente). Cada um tem seu ritmo, sua rotina, sua disposição, sua facilidade. Talvez essa amiga que lê 300 página em um dia, leia tão correndo que nem se lembre do nome do personagem principal. Saboreie a leitura, releia os trechos que gostar, grife, risque, marque a página, não tenha medo! Você leva um personagem para a vida toda! Pode ser velhinha, mas vai se lembrar daquele cara que é maravilhoso na sua imaginação ou daquele personagem professor que te fascina! 
O importante é se encontrar. Ler também é exercício de autoconhecimento e não apenas de juntar palavras para formar frases e ficar por isso mesmo. Presumo que ler seja tão importante quanto se vestir. Nada mais é do que encontrar seu estilo, como você encontra a blusa perfeita para seu corpo. Agrade sua cabeça, sua imaginação e relaxe através de uma história ou de um bom texto. Conheça Roma, Paris, Califórnia, Calábria, Rússia, Japão. Livros também são passaportes! Enjoy. 🙂