Em frente, sempre – por Júlia Groppo

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Hoje o dia amanheceu sorrindo pra mim. O céu bem azul, o sol radiante e aquele vento fresco no rosto, daqueles que traz leveza no olhar. Acho que a vida tem dessas: depois dos dias cinzas, carregados de reflexões, os dias azuis vem como uma certeza de que, em algum momento, as coisas vão se encaixar. Para hoje, eu desejo paz; para hoje, eu desejo que você encontre uma alegria dentro de si e espero que você sinta no rosto a mesma brisa leve que eu senti caminhando por aí. Para hoje, desejo que você esqueça o passado que te maltrata, encontre um alguém que te surpreenda e termine um bom livro. Espero que você sorria, pelo menos, cinco vezes, e torço pra que que você não deixe que o dia de hoje vá sem deixar algo de bom. Para essa sexta, certezas: de que a vida é, seja o que for, e de que ela caminha… Para frente, sempre.